quinta-feira, 26 de abril de 2007

Poesia: NOSTALGIA

NOSTALGIA

Caminho pela rua serena
Tomado por um ímpeto
Levado ao passado
Deparo-me com o local imutável.
As memórias ressurgem
Ressoam no meu âmago
Debaixo de uma velha árvore
Que presenciou o abraço
Os corpos entrelaçados
Os seres unidos
As almas comungando silenciosamente
Os beijos na face
Os sussurros no ouvido.
Ponto simples e singelo no caminho
No meio do caminho da vida
Cheio de relevo e sentimento
Inundado de cor, vibrante
Sentimento nostálgico
Sentimento apaixonado
De despedida
De amor.

(RLBF - 4/07/97)

2 comentários:

Simone disse...

ai que liiiiindo!

Fabiola disse...

gostei mesmo!!!
posso publicar?